Vice de futebol descarta rebaixamento: "São Paulo é diferente dos outros"

Por Tercio Braga
‘A ideia é blindar o grupo de influências extra-campo vindas da torcida e da imprensa’, diz João Paulo de Jesus/Divulgação

O São Paulo é o penúltimo colocado da Série A do Campeonato Brasileiro. Tem nove pontos ganhos em 36 disputados. Não vence no torneio desde 29 de maio, quando goleou o Vasco da Gama (5 a 1). Há a ameaça de rebaixamento. A diretoria está preocupada. “É preciso sair logo deste desconforto”, disse João Paulo de Jesus Lopes. Mas o diretor de futebol lembra: “Por outro lado, o São Paulo é diferente de outros clubes que passaram por esta situação”.

Os argumentos do dirigente: “O São Paulo tem estrutura, uma situação financeira confortável, paga seus jogadores em dia, tem bom elenco que pode ser aperfeiçoado, mas ninguém tem um elenco excepcional nesta temporada”. Ele confirmou que o clube está atrás de reforços. “Queremos trazer de dois a três jogadores, um da defesa, um atacante e um de meio de campo”, afirmou.

Além disso, o diretor de futebol mostrou preocupação em isolar o time de fatores externos que colocam pressão nos jogadores. “A ideia é blindar o grupo de influências extra-campo vindas da torcida e da imprensa”. João Paulo lembrou ainda que os são-paulinos andam impacientes porque estão mal acostumados. “O São Paulo é uma organização acostumada a ganhar títulos. Não é o caso de achar que tudo está errado”, cravou.

Hoje, existe até um site que faz a contagem regressiva para o rebaixamento. Ele foi criado por tricolores. A preocupação do diretor é evitar que os atletas sintam esta pressão. “A blindagem também evita que o processo político do clube chegue aqui na Barra Funda. Enquanto estiver neste cargo, isto não vai acontecer”, falou.

Embora esteja em situação difícil no Brasileiro, o São Paulo sonha com a vaga na Copa Libertadores da América. O caminho escolhido é a Copa Sul-Americana, torneio conquistado no ano passado pelos tricolores. “Você sabe que o São Paulo trabalha bem quando entra em torneios como este”, disse o dirigente.

Ele praticamente descartou a possibilidade da conquista do título do Campeonato Brasileiro. “Na matemática, isto é possível. Mas não tenho grandes ilusões. Vai ser muito difícil”, falou.

Diretor diz que Lúcio não recebeu nenhuma proposta e contiuará afastado

O dirigente também falou sobre o zagueiro Lúcio. Até a manhã desta terça-feira, o São Paulo não recebeu nenhuma sondagem de clubes do exterior interessados na contratação dele. O jogador está afastado do elenco por indisciplina. Quem pediu a punição foi o técnico Paulo Autori e ele não mostrou nenhum sinal de que pretende mudar de ideia. “Ele foi afastado pela comissão técnica e até agora não houve solicitação diferente”, afirmou o dirigente.

A contratação de um zagueiro é uma das prioridades da diretoria tricolor. Os dirigentes tentam encontrar no mercado alguém que possa substituir Lúcio. João Paulo admite: está difícil conseguir. “É muito difícil contratar neste momento. O mercado está escasso. Primeiro porque a janela do exterior para o Brasil está fechada e só seria possível trazer um atleta que está sem contrato. Além disso, temos a dificuldade do limite de sete partidas para contratações de jogadores que estão no Campeonato Brasileiro”, falou.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo