Ainda na busca pelo G4, Corinthians encara o Vitória no Pacaembu

A imagem do Corinthians e seus jogadores após o clássico contra o Santos ficou ruim, até mesmo com os próprios torcedores. Na última quarta-feira, a equipe de Tite abriu o placar no início, mas cedeu o empate no segundo tempo com uma postura apática – o duelo terminou 1 a 1.

 

O resultado, apesar de minimizado publicamente, foi considerado imperdoável para comissão técnica e diretoria, que exigem uma boa atuação e um triunfo do Timão diante do Vitória, neste domingo, no Pacaembu, para voltar a subir na tabela do Campeonato Brasileiro. Se vencer, o Alvinegro pode chegar pela primeira vez ao G4 da tabela.

 

“Estou com saudades do G4. Estamos em um período de reajuste, de reconstrução. Falo para o torcedor: ‘Quero vestir a camisa da humildade’. Nosso time está em processo de entrosamento. Não acreditem quando falam que faltou vontade, que o time joga quando quer… Isso seria sinal de falta de caráter, de falta de respeito, que aqui não tem”, disse o técnico Tite.

 

O que tem sido apontado o maior vilão do Timão nos últimos dias é o desgaste físico. Por conta disso, o meia Renato Augusto foi vetado do duelo. Danilo, que está indo para o quinto jogo consecutivo, iria folgar, mas seus exames foram positivos e ele permanecerá como titular.

 

Quem retorna é o atacante Emerson Sheik, que estava suspenso do clássico da última quarta. Alexandre Pato, cobrado publicamente por Tite para ter um estilo mais competitivo e “arrastar a bunda no chão”, será titular. Para o duelo deste domingo, Tite não contará com Paulo André, suspenso por ter sido expulso contra o Santos, além do atacante Paolo Guerrero, convocado para a seleção do Peru para um amistoso contra a Coreia do Sul, na próxima quarta-feira.

 

O último treino do Vitória, neste sábado pela manhã, antes de enfrentar o Corinthians, foi marcado pela ausência do atacante Maxi Biancucchi. O argentino, artilheiro do Campeonato Brasileiro com oito gols marcados, queixou-se de dores musculares e foi poupado das atividades no CT do Leão.

 

Segundo a comissão técnica, o problema não é nada sério e ele viaja para a capital paulista com a delegação. A medida foi tomada apenas como uma prevenção. O zagueiro Gabriel Paulista chegou a torcer o tornozelo no trabalho, mas acabou sendo apenas um susto e ele jogará.

 

O técnico Caio Júnior comandou um rachão no treino de sábado e manteve a dúvida da equipe que vai escalar no Pacaembu. Sem o atacante Dinei e o meia Escudero, o comandante rubro-negro vai fazer mistério até horas antes da partida. Rômulo deve fazer dupla com Maxi, enquanto Vânder e Renato Cajá disputam por uma vaga no meio.

 

CORINTHIANS X VITÓRIA

Local: Pacaembu, São Paulo (SP)

Data e hora: 11/8/2013, às 16h

Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (GO)

Assistentes: Guilherme Dias Camilo (MG) e Bruno Boschilia (PR)

 

CORINTHIANS: Cássio, Edenílson, Felipe, Gil e Fábio Santos; Ralf e Guilherme; Romarinho, Danilo e Emerson Sheik; Alexandre Pato. Técnico: Tite.

 

VITÓRIA: Wilson, Gabriel Paulista, Victor Ramos, Fabrício e Danilo Tarracha; Michel, Cáceres, Camacho e Vânder (Renato Cajá); Maxi Biancucchi e Rômulo. Técnico: Caio Júnior

Loading...
Revisa el siguiente artículo