Agora em lados opostos, Neymar e Peixe se enfrentam

Adversários em 2011, Neymar e Messi estarão lado a lado hoje  | Yuriko Nakao/reuters Adversários em 2011, Neymar e Messi estarão lado a lado hoje | Yuriko Nakao/reuters

Logo em sua segunda partida pelo Barcelona, depois de ter estreado contra o Lechia Gdansk, terça-feira, em amistoso na Polônia, o atacante Neymar se reencontrará com o Santos – clube que defendeu por dez anos.
O camisa 11 declarou ter muito carinho e gratidão pelo time da Vila Belmiro, mas, nem por isso, vai tirar o pé quando o árbitro apitar o início do jogo, às 16h30, no Camp Nou, em Barcelona.
“Para mim, será como jogar a final da Liga dos Campeões. Será uma partida muito especial porque jogarei contra os meus ex-companheiros, só que defenderei o Barça com todo orgulho”, afirmou o craque, que prometeu uma “comemoração especial” caso faça um gol.
E será justamente diante dos santistas que o time espanhol estreará a tão esperada dupla ofensiva formada por Neymar e Messi.

Santos encara o Barcelona,  algoz na final da Copa do Mundo de Clubes da Fifa em 2011

Os santistas não esquecem a derrota por 4 a 0 para o Barcelona na finalíssima da Copa do Mundo de Clubes da Fifa, em dezembro de 2011, que enterrou o sonho alvinegro de conquistar o planeta pela terceira vez.
O amistoso de hoje, válido pelo Troféu Joan Gamper, pode não ter o peso do último encontro, mas é a chance do Peixe lavar a alma.
Pelo menos esse é o pensamento de Neilton, principal promessa do time: “Aquele é um jogo que não dá para esquecer. A torcida santista vai querer que a gente ganhe agora. Vamos dar o melhor para tirar aquela imagem que ficou de 2011”, prometeu o novo camisa 11.
Quando Santos e Barcelona se enfrentaram no Mundial, Neilton tinha 17 anos, ainda longe do time profissional. Agora, é nos pés dele que a torcida deposita as esperanças.

Loading...
Revisa el siguiente artículo