Corinthians recebe o Grêmio no Pacaembu e busca subir na tabela

Por Carolina Santos

A situação do Corinthians no Campeonato Brasileiro não é das mais confortáveis: apenas 11 pontos, que o coloca na modesta 11a posição da tabela. Por isso, uma vitória diante do Grêmio, às 21h50, no Pacaembu, é vista como fundamental para as pretensões alvinegras de se aproximar do G-4.

Para conquistar o objetivo e acabar com o jejum de três jogos sem vitórias, o Timão precisa ver seu badalado ataque funcionar. Até agora, o setor ofensivo da equipe balançou as redes apenas seis vezes – que configuram a pior marca do Brasileiro deste ano, incluindo a Série B.

Dos atacantes titulares, apenas Emerson Sheik conseguiu deixar sua marca até agora. Romarinho e Guerrero, o herói do título mundial, seguem em branco. O artilheiro do time é justamente Alexandre Pato, reserva do peruano, que apesar de perder gols feitos, já fez a torcida comemorar em três oportunidades. Os outros gols foram marcados por Guilherme e Paulinho, que foi negociado com o Tottenham, da Inglaterra.

Muito pouco para um time que conta com boas – e caras – opções ofensivas e espera lutar pelo hexacampeonato brasileiro. “Temos consciência da capacidade de melhoria”, reconheceu o técnico Tite.

A força do alvinegro jogando em casa também não tem sido demonstrada no Brasileirão: a equipe só venceu um dos cinco jogos que fez no Pacaembu.

E para o zagueiro Paulo André, o alvinegro terá de se reinventar para furar a retranca do Grêmio e acabar com a seca: “Pelo respeito que os times têm pela gente, eles devem vir fechados. Teremos de achar mecanismos para superar isso.”

Loading...
Revisa el siguiente artículo