Intervenções urbanas homenageiam profissionais da saúde e vítimas da covid-19

Por Metro Jornal

A pandemia de covid-19, doença causada pelo coronavírus Sars-CoV-2, já causou mais de 10 mil mortes na cidade de São Paulo. O número inspira solidariedade aos familiares e amigos de vítimas da doença, além dos profissionais da saúde que atuam na linha de frente no atendimento de pacientes.

Como uma forma de homenagear esses grupos, a Secretaria Municipal de Cultura anunciou uma programação especial entre agosto e setembro, com intervenções urbanas que refletem sentimentos de fé, esperança e solidariedade.

Entre as ações estão projeções em edifícios pela cidade, exposições de fotojornalistas em pontos de ônibus e relógios digitais, obras de grafite, instalações, e lambes. Entre os endereços escolhidos para as intervenções estão:

• Praça da Sé, viaduto do Chá e cruzamento das avenidas Ipiranga e São João, no centro;
• Largo da Batata e o terminal Lapa, na zona oeste;
• Parque Ibirapuera e Centro Cultural do Grajaú, na zona sul;
• Avenida dos Metalúrgicos e hospital Cidade Tiradentes, na zona leste;
• Hospitais da Brasilândia e da Vila Maria, na zona norte.

Mais detalhes sobre a programação estão disponíveis no site oficial da Secretaria Municipal de Cultura.

Loading...
Revisa el siguiente artículo