Taylor Swift: Com o álbum 'Folklore', cantora volta às raízes

Por Jennifer Tisovec - Metro Jornal

A cantora Taylor Swift surpreendeu ao anunciar o seu oitavo álbum novinho saindo do forno, para a felicidade dos fãs. O disco surpresa, chamado “Folklore”, fez um sucesso tremendo já logo no dia do seu lançamento, na sexta-feira passada. Com 16 faixas e menos de um ano desde o lançamento de seu antecessor “Lover” (que também ganhou o coração dos ouvintes), o trabalho apresentou um novo lado da cantora, mais reflexivo.

Inspirada pelo período de isolamento, como ela mesmo afirmou, Taylor trouxe faixas compostas por histórias de ficção e algumas baseadas em experiências próprias. É uma nova proposta musical, repleta de letras mais maduras sobre relacionamentos que não funcionaram, arrependimento, angústia, amor e desilusão que, por mais que sejam assuntos negativos, despertam um sentimento tranquilo pelo modo como são tratados por Taylor. As melodias resgatam um pouco do country e folk do início de sua carreira, com tons calmos e letras bem narrativas.

Um dos destaques no disco é a existência de três músicas que, juntas, compõem uma história sobre um triângulo amoroso adolescente, com cada uma mostrando o ponto de vista de um deles. O conto começa no ponto de vista de uma garota chamada Betty na faixa “Cardigan”, seguida por “August”, no ponto de vista da tal 3ª pessoa da relação, encerrando a história em “Betty”, que é vista pela perspectiva de um personagem chamado James.

Outras duas faixas que chamam atenção foram “Epiphany”, que apresenta uma realidade paralela com efeitos de guerras civis e até a luta contra a covid-19, e “Exile”, feita em parceira com o cantor Bon Iver.

Taylor apresentou um trabalho muito profundo e repleto de honestidade, que pode ser considerado como uma de suas maiores obras. A cantora se entregou de corpo e alma nas composições, com letras e melodias que são impossíveis de parar de ouvir depois que você entende o significado. É o típico álbum para escutar em uma tarde chuvosa ou no escurinho do seu quarto, refletindo sobre a vida.

Repercussão

E não é brincadeira que o disco fez um baita sucesso. Apenas nas primeiras 24 horas após o lançamento, 1,3 milhão de cópias físicas foram vendidas no mundo, de acordo com a gravadora Republic. E nas plataformas de streaming não foi diferente, somando mais de 100 milhões de reproduções e colocando Taylor como a artista feminina pop com músicas mais ouvidas no primeiro dia de estreia de um disco.

Loading...
Revisa el siguiente artículo