CCXP anuncia cancelamento do evento presencial e fará edição virtual

Por Metro Jornal

A edição de 2020 da CCXP será apenas virtual. Nesta quinta-feira (16) a organização do evento, que estava previsto entre os dias 3 e 6 de dezembro no São Paulo Expo, confirmou que não haverá mais a convenção presencial neste ano.

O cancelamento do festival, que no ano passado recebeu 280 mil visitantes, é justificado pela pandemia de covid-19. “A decisão está calcada no bem-estar de todos os envolvidos na engenharia de fazer este megaevento acontecer – fãs, equipe, artistas convidados e todos que dão vida à CCXP”, diz a nota oficial. A venda de ingressos seria aberta em abril, mas foi adiada.

Veja também:
Chris Evans envia vídeo para menino de 6 anos que salvou a irmã nos EUA: ‘herói’
Spice Girls celebram 25 anos de ‘Wannabe’ com documentário

Vale - Branded content - julho/2020

O evento digital ganhou o nome “CCXP Worlds: A Journey of Hope” (ou Mundos CCXP: Uma Jornada de Esperança, em português) e será realizado no início de dezembro. Mais detalhes, como se o evento será gratuito ou pago e quais serão suas atrações – painéis, estúdios participantes, Artists’ Alley e ações com cosplayers – serão revelados a partir de 25 de agosto, data da primeira coletiva sobre o novo modelo.

No anúncio, o CEO da convenção, Pierre Mantovani, adiantou que a edição virtual não será apenas uma transmissão ao vivo. “Direcionamos todos os esforços para que cada parte da CCXP esteja presente na casa de milhares de pessoas. Por ser digital, pela primeira vez na história, teremos um evento de escala global para a indústria do entretenimento.”

Assista ao vídeo de apresentação da “CCXP Worlds: A Journey of Hope”:

Loading...
Revisa el siguiente artículo