DJ 'Mulher Filé' doa auxílio emergencial a ong de proteção animal

Por Metro Jornal

A DJ Yani de Simone, conhecida como Mulher Filé, contou, em entrevista a colunista Fábia Oliveira, do jornal "O Dia", que conseguiu ser contemplada com o auxílio emergencial do governo, que concede R$ 600 por mês a trabalhadores informais que foram um dos grupos mais prejudicados pela pandemia do novo coronavírus.

Leia mais:
Morre a atriz Maria Alice Vergueiro, imortalizada no curta Tapa na Pantera
Elenco e equipe de Brooklyn 99 doam para pagar fiança de manifestantes presos nos EUA

Segundo ela, que está sem atividade no momento já que os eventos foram cancelados durante a quarentena, ela recebeu duas parcelas. "Como era um direito meu por estar sem trabalhar e por eu pagar impostos, fiz [a solicitação]", explicou.

Ela não ficou com o dinheiro, no entanto. Ela contou que doou para ong de proteção animal com quem colabora frequentemente. "Como eu ajudo o Projeto Candinho e Cia, que faz o resgate de animais, eu decidi que se fosse aprovado eu reverteria esse dinheiro pra fazer o bem", disse.
"Com a crise da pandemia, muitos animais estão sendo abandonados na rua, principalmente filhotes. A gente tem muitos animais doentes, as contas são altas para manter esse projeto, porque há muitos gastos com medicamentos. Essa foi a forma que encontrei de ajudar mesmo quando não tenho condição pra isso", contou ela.

Loading...
Revisa el siguiente artículo