Após debate com Anitta, deputado retira emenda sobre direitos autorais e artistas comemoram

Por Metro Jornal

A cantora Anitta protagonizou, nesta semana, um embate com o deputado federal Felipe Carreras (PSB-PE) a respeito de uma emenda constitucional que previa mudança na cobrança de direitos autorais no Brasil. A proposta causou polêmica e críticas da classe artística, o que fez com que o parlamentar voltasse atrás.

Carreras propôs uma emenda à Medida Provisória 948/20, para isentar promotores de eventos e produtores do pagamento de direitos autorais, o que reduziria a remuneração dos compositores. Atualmente, 10% do arrecadado com ingressos tem que ser repassado ao Ecad (Escritório Central de Arrecadação e Distribuição), que paga os direitos autorais aos artistas.

Veja também:
O discurso emocionante de William Bonner que ficará registrado na história
Atriz e radialista Daisy Lúcidi morre de covid-19 aos 90 anos

Na noite de terça-feira (5), Anitta fez uma live com o deputado no Instagram para debater a proposta. A conversa acabou terminando em um bate-boca. "Eu não acho que você esteja do nosso lado, e essa é uma coisa que a gente não vai concordar, e a gente não vai acabar esse debate jamais. Então, obrigada pelo seu tempo, a gente continua aí lutando, você puxa daí, a gente puxa daqui, e vamos ver o que acontece", disse a cantora.

Após a discussão, o deputado publicou uma carta aberta na noite desta quarta (6), em que afirmou que vai retirar a emenda. "VITÓRIA. Feliz de saber que toda a classe de músicos dormirá tranquila hoje com menos este problema", respondeu Anitta.

Nos comentários, Ana Vilela, Kevin o Chris, 3030, Paula Mattos, Mc G15, Jota Quest, Psirico, Jão, Sergio Jr. (Sorriso Maroto) e outros artistas agradeceram e elogiaram a cantora. "Hoje mais do que vencer uma batalha, nós mostramos que não somos alienados e não somos bobos (…) Obrigada pelo esforço de Anitta, ela foi gigante!", escreveu o cantor Armandinho.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo