Nova testemunha pode garantir herança de Gugu Liberato à Rose Miriam di Matteo

Por Band.com.br

Convidada do Aqui na Band, a jornalista Fábia Oliveira trouxe novidades sobre o processo de união estável que a médica Rose Mirian di Matteo está movendo na Justiça para comprovar seu relacionamento com o apresentador Gugu Liberato, que morreu em 21 de novembro de 2019.

A jornalista teve acesso a uma parte dos autos, onde a médica incluiu o testemunho de algumas pessoas próximas ao casal. "Entre as declarações das quais eu tive acesso, a que chama mais atenção é a de David Coimbra dos Santos, de 33 anos. Ele vem a ser o motorista contratado em 2010 por Gugu para atender a família do apresentador", contou.

Em uma carta escrita em próprio punho, o profissional afirma ter trabalhado para Rose, Gugu e os três filhos do comunicador na casa da família em Barueri, São Paulo. Na carta, ele diz: "Antonio Augusto visitava com frequência os quatro. Era muito atencioso e carinhoso. Cumprimentavam com beijo na boca Antonio Augusto e Rose Miriam. Em todos os locais que iam, eram recebidos como mulher e filhos do Gugu".

Em outro trecho do depoimento, ele cita o período em que Rose morou com os filhos no Rio de Janeiro. "Moramos meses no Rio de Janeiro e, apesar da distância, os finais de semana em que os quatro não viajavam para São Paulo, Antonio Augusto viaja para o Rio. Os almoços no Rio eram servidos no restaurante Picanha e as reservas eram feitas para Gugu, sua mulher e filhos. Antonio Augusto demonstrava cuidado e ciúmes por Rose Miriam. Se falavam diversas vezes por dia, pelo telefone".

De acordo com Fábia, a carta está assinada e datada pelo motorista. "O advogado da Rose tenta provar nesse processo que ela era, sim, mulher de Gugu. Eles tinham conta conjunta em um banco nos Estados Unidos. Então, ele está tentando provar união estável para que Rose Miriam seja incluída no testamento. Porque são dois processos: um de anulação do testamento deixado por Gugu e outro para provar a união estável", explica a jornalista.

"Provando a união estável, ele consegue entrar com mais firmeza nessa seara do testamento [que deixou Rose Miriam de fora da partilha da herança]. Talvez ele até consiga anular o testamento. Acredito que ela ganha o processo de união estável, pois ela tem várias fotos juntos deles, em momentos diferentes da vida, em viagens", afirmou a convidada.

"Eles posaram na Caras como família e agora, na hora de dividir a herança, não são mais uma família?", questionou Fábia. Ao lado de Silvia Poppovic, Luis Ernesto Lacombe, Nana Rude e Nathalia Batista e Dalton Rangel, eles comentaram o contrato de coparentalidade que Rose Miriam teria assinado em março de 2011.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo