‘Dolittle’: Robert Downey Jr. assume papel que já foi de Eddie Murphy em nova franquia

Por Eduardo Ribeiro - Metro Jornal São Paulo

Depois de se ressignificar vestindo a armadura do Homem de Ferro nos filmes da Marvel, Robert Downey Jr. assume papel principal em nova franquia promissora. “Dolittle”, aventura que já caiu como uma luva às carreiras de Rex Harrison, em 1967, e Eddie Murphy, em 1998, proporciona também a Downey Jr. um horizonte positivo. Sua interpretação do veterinário que consegue se comunicar com os animais é melhor do que a primeira e empata com a segunda. Mas diverte e entretém, o que no final importa.

Leia mais:
Feliz aniversário, Riri! Veja o top 10 hits de Rihanna favoritos pelos brasileiros

Na nova saga do personagem criado em 1920 pelo escritor inglês Hugh Lofting, o excêntrico Dr. John Dolitte, na Inglaterra da Rainha Victoria, vive isolado em sua mansão desde a morte de sua mulher. Ele é um gênio peculiar que a maioria das pessoas pensa ser louco. Como companhia, tem apenas a sua trupe de animais exóticos. Quando a jovem rainha fica gravemente doente, ele é forçado a partir em uma saga épica para uma ilha mítica em busca da cura, recuperando suas habilidades e sua coragem enquanto cruza velhos oponentes.

Entre os bichos com quem ele divide a casa estão o gorila inseguro Chee-Chee (voz de Rami Malek), a pata pouco inteligente Dab-Dab (Octavia Spencer), a avestruz neurótica Plimpton e o urso polar bonachão Yoshi, além de uma papagaia autoconfiante chamada Polinésia (Emma Thompson, a conselheira e até parte da consciência de Dolittle. Criadas em computação gráfica, as criaturas são bastante realistas, aparentando como se fossem animais de verdade.

Downey escolheu interpretar Dolittle como um galês: “Pensei sobre o personagem como alguém que virou ermitão e se isolou devido a um trauma ou sofrimento emocional. Ele se deu a tarefa de ajudar somente animais. Achei que seria melhor ele ser galês porque, embora o País de Gales seja parte da Inglaterra, eles esnobam muito os ingleses.”

São muitas as cenas de tirar o fôlego em que se destacam personagens como Müdfly (Michael Sheen), o homem responsável pelo envenenamento da rainha, Rassouli (Antonio Banderas), um rei muçulmano, e um tigre sedento para reaver uma antiga desavença com o herói.

Loading...
Revisa el siguiente artículo