Confira as sessões da Mostra Internacional de Cinema desta terça

Por Metro Jornal

A Mostra Internacional de Cinema de São Paulo segue com várias exibições nas salas de cinema da capital paulista. Veja os filmes do festival que terão sessões nesta terça-feira (29):

"Deus É Mulher e Seu Nome É Petúnia"
[Macedônia do Norte, Bélgica, Eslovênia, Croácia, França, 2019], de Teona Strugar Mitevska.

Em Stip, na Macedônia, todo mês de janeiro, o padre local joga uma cruz de madeira no rio e centenas de homens mergulham atrás dela. Sorte e prosperidade são garantidas a quem a recupera. Desta vez, Petúnia mergulha na água e consegue pegar a cruz antes, mas seus concorrentes ficam furiosos: como uma mulher ousa participar do ritual? A situação sai do controle, mas Petúnia se mantém firme. Ela conseguiu sua cruz e não irá desistir.

No Espaço Itaú (Shopping Frei Caneca). Às 17h.

deus é mulher e seu nome é petúnia (filme da mostra) Divulgação

Leia mais:
Veja os destaques da nova exposição de mangás na Japan House
Dia do Livro: São Paulo tem ações de doação e distribuição gratuita de títulos

"Amazônia Sociedade Anônima"
[Brasil, 2018], de Estêvão Ciavatta.

Em seu primeiro longa-metragem, o diretor mostra em formato de documentário, diante do fracasso do governo brasileiro em proteger a Amazônia, índios e ribeirinhos, em uma união inédita liderada pelo Cacique Juarez Saw Munduruku, onde enfrentam máfias de roubo de terras e desmatamento ilegal para salvar a floresta. A exibição é conjunta com o minidocumentário “Tuã Ingugu (Olhos D’Água)”, de Daniela Thomas, sobre a etnia Kalapalo, no Xingu.

No Espaço Itaú (Shopping Frei Caneca). Às 16h.

amazônia sociedade anônima (filme da mostra) Divulgação

"Os Olhos de Cabul"
[França, 2018], de Zabou Breitman e Eléa Gobbé-Mévellec.

No verão de 1998, Cabul é uma cidade em ruínas e as sombras do regime Talibã permanecem. Dois casais são tema da produção: apaixonados, apesar da violência e da miséria diárias, Mohsen e Zunaira são jovens e não desistem de acreditar no futuro. Mas um ato sem sentido de Mohsen perturbará a vida dos dois para sempre. Já Atiq e Mussarat estão casados ​​há muitos anos e quase não se falam mais. A animação é baseada no livro homônimo do argelino Yasmina Khadra.

Na Petra Belas Artes (r. da Consolação, 2.423). Às 17h30.

Loading...
Revisa el siguiente artículo