Morrissey expulsa fãs de show por criticarem partido de extrema-direita britânico

Por Estadão Conteúdo

O músico Stephen Patrick Morrissey, mais conhecido apenas como Morrissey, expulsou duas pessoas da plateia do seu próprio concerto no Moda Center de Portland, em Oregon, nesta segunda-feira, 30. O incidente foi motivado devido às placas de protesto empunhadas por alguns fãs, que exibiam o símbolo do partido de extrema-direita e anti-islâmico britânico – For Britain – com um 'X' desenhado por cima.

Ao avistar os cartazes, o músico, que apoia declaradamente o partido e já chegou até a usar um crachá do partido durante uma participação em um programa de televisão, interrompeu o espetáculo e ordenou que as pessoas fossem retiradas para que ele continuasse.

"Fora daqui! Fora. Não preciso de vocês", afirmou no palco o ex-vocalista dos Smiths. "Vamos ser sinceros, quando esse cartaz ou vocês desaparecerem, eu continuo", disse.

O momento pode ser visto no seguinte endereço na internet:

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo