Pesadelo na Cozinha: ‘Eu não tinha força psicológica’, conta Carmem

Por Vinícius de Melo - Portal da Band

Administrar um restaurante não é nada fácil, imagine então administrar dois estabelecimentos em endereços diferentes? É por essa tarefa hercúlea que Carmem e Stefane, donos do restaurante e da rotisseria Alquimia estavam passando nos últimos meses, antes da chegada de Erick Jacquin e da equipe de Pesadelo na Cozinha.

"O Jacquin promoveu muitas mudanças. Eu tinha muitas adversidades, ficava para cima e para baixo carregando equipamento, alimento. A vinda dele foi para um bem maior, para unir o meu restaurante em um lugar só. Essa junção era algo que eu precisava muito", disse Carmem em entrevista ao Portal da Band.

"O chef anda me deu a ideia de transformar o antigo Alquimia em um barzinho, mas por enquanto eu vou focar no endereço da [rua] Lopes Chaves. Preciso montar um site para quem me conhece da rotisseria ir para o novo local; um site mostrando tudo que aconteceu durante as gravações do Pesadelo na Cozinha. Estou vendo alguém para fazer esse site para mim", completou.

A dona do estabelecimento também falou sobre os problemas de desorganização que acabou enfrentando na cozinha durante as filmagens do episódio. "Eu fiquei apavorada. Eu faço risoto há 15 anos e errei o ponto do arroz de risoto para o Jacquin. A Jô também, ela é bem competente. Ela está comigo há pouco mais de um ano, começou como ajudante de cozinha e tudo que eu ensino para ela, ela manda bem", afirmou.

Carmen contou ainda que irá reinaugurar o restaurante nesta quarta-feira, 11, para todos conhecerem as reformas e melhorias feitas pelo Pesadelo na Cozinha. "Estamos segurando todo mundo do bairro. Espero que seja um sucesso. Todo mundo da equipe está torcendo e todo mundo está na mesma expectativa que eu. É como se fôssemos participar de um evento. Está todo mundo correndo, limpando, trocando as flores, etc.", revelou.

"Quando eu trouxe o Jacquin, ele me fez perceber que eu era uma pessoa pequena com um sonho muito grande. Porém, quando ele me levou para o alto do Edifício Copan, ele me fez lembrar que tudo é possível naquele que crê. Eu não tinha força psicológica nem financeira para reformar o Alquimia. Ficou tudo lindo, ele trouxe luz. Por mais que eu tenha dificuldades agora, eu tenho um projeto para desenvolver", continuou.

"Vou ficar responsável pelos novos pratos do cardápio, pois só terei segurança depois de alguns dias. Eu preciso fazer, depois a Jô precisa perder o medo da primeira vez", completou Carmen, que falou ainda sobre o serviço de delivery que terá em parceria com o iFood. "Eles vão me ajudar com algumas embalagens para começar as entregas", finalizou.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo