Após internação, Franciely Freduzeski faz desabafo sobre metacril

Por Estadão Conteúdo

A atriz e modelo Franciely Freduzeski usou seu perfil no Instagram nesta quinta-feira, 15, para falar sobre sua depressão e explicar o motivo de ter sido internada em um hospital na última quarta-feira, 14, por decorrência do uso de polimetilmetacrilato (PMMA), também conhecido como metacril.

"Há quase dois anos tenho uma dor que começou no bumbum, foi para as costas, desceu para a minha perna direita, depois para o braço, mão, foi para as costas e pescoço. Parei de andar, escovar o dente, tomar banho, sair e me isolei", começou Franciely.

Na sequência, contou as influências que as dores passaram a causar em sua vida: "Parei de trabalhar, de responder pessoas e me sentia uma pessoa chata. Fui a vários médicos. 'Você tem isso, você tem aquilo'. Exames de todos os jeitos, nos melhores hospitais, fiz tudo, nada de melhorar. Descobri a depressão."

View this post on Instagram

Bem vamos lá… vou usar essa foto para ilustrar oq eu mais quero de volta; sorrir!Vou esclarecer tbem algumas coisas. Há quase dois anos tenho dor que começou no bumbum, foi para as costas, desceu para a minha perna direita, depois para o braço, mão, foi radiando para as costas e pescoço. Parei de andar, escovar o dente, tomar banho, sair e me isolei. Qdo tinha dias bons eu voltava c um sorriso no rosto e tentava disfarçar minha preocupação e tristezas comigo mesma. Parei de trabalhar, de responder pessoas e me sentia uma pessoa chata. Fui a varios medicos. “ vc tem isso, vc tem aquilo”. Exames de todos os jeitos nos melhores hospitais , fiz tudo. Nada de melhorar. Descobri a depressão.Sempre comentei com todos os médicos q eu tinha colocado um pouco de metacril no bumbum. Todos diziam; “ é muito pouco, não tem nada a ver”. Minha dermatologista que eh um anjo na minha vida me proibiu de fazer, fiz escondido. Isso tem uns 8 anos, não sei exatamente.E eu não precisava. Ela sempre desconfiou do metacril e dos males q faz mesmo depois de anos. Eh um corpo estranho. Enfim tanta dor descobri endometriose de diferente formas e modelos rsrs. Operei. Já passou quase um ano e eu só piorava, procurei outros médicos; “ ah vc tem algo estranho”. Mas oq? “ não sei”. Fui a um médico que no consultório me examinou como nenhum outro. Foi bastante claro comigo. Não me deu nenhum diagnóstico feliz. Mas tem cuidado de mim. Comecei um tratamento com imunoglobulina , não sei por qto tempo. Sei que preciso o qto antes combater a inflamação no meu nervo. A tal da neurite. Pelo amor de Deus não coloquem metacril. O metacrilato eh uma substância que é praticamente impossível de ser retirada. Foi inventado há anos atrás para próteses dentárias, colar ossos, mas tem muitos riscos para a saúde. Existe risco do metacril migrar para outros lugares do seu corpo. Que foi oq aconteceu comigo. Tem uma pesquisa feita em 2016 que fala que mais de 17 mil pessoas foram prejudicadas por essa substância. Uma bobagem feita para que? Nada. Hj minha vida mudou, tenho dor crônica, tomo remédios, tenho limites. Mas tenho Deus e acredito em milagres. #fe #amor #imunoglobulina ❤️🙏🏻

A post shared by Fran Freduzeski (@franfreduzeski) on

"Sempre comentei com todos os médicos que eu tinha colocado um pouco de metacril no bumbum. Todos diziam: 'É muito pouco, não tem nada a ver'. Minha dermatologista, que é um anjo, me proibiu de fazer, fiz escondido. Isso tem uns oito anos", prosseguiu.

Em meio a "tanta dor", Franciely Freduzeski relatou que descobriu uma "endometriose de diferentes formas e modelos", e passou por uma cirurgia. Um ano depois, porém, ela afirma que "só piorava".

Então, a atriz foi em busca de outros médicos. Um deles teria sido "bastante claro", indicando uma neurite: "Comecei um tratamento com imunoglobulina, não sei por quanto tempo. Sei que preciso o quando antes combater a inflamação no meu nervo."

Franciely ainda fez um apelo aos seus seguidores, citando uma pesquisa feita em 2016 que revelou que 17 mil pessoas tiveram sequela após uso do metacril: "Pelo amor de Deus, não coloquem metacril. O metacrilato é uma substância que é praticamente impossível de ser retirada."

Na última quarta-feira, 14, Franciely Freduzeski havia publicado uma foto de seu braço durante a internação no hospital. "Para que eu nunca me esqueça o quanto sou forte, das minhas lutas, das minhas dores e dos dias", escreveu, na ocasião. "Hoje minha vida mudou. Tenho dor crônica, tomo remédios, tenho limites. Mas tenho Deus e acredito em milagres", concluiu.

Franciely Freduzeski é conhecida por ter trabalhado em novelas da Globo, como América e O Clone, além de ter participado do reality show A Fazenda, da Record TV. Em 2017, também chamou atenção por conta de seu relacionamento com o pai do jogador de futebol Neymar.

 


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo