MasterChef Brasil: Juliana lamenta escolhas de ingredientes

Por Vinícius de Melo - Portal da Band

A administradora hospitalar Juliana Nicoli foi eliminada do MasterChef Brasil neste domingo, 11, após preparar um prato de pirarucu que "deixou a desejar" na opinião dos jurados Henrique FogaçaPaola Carosella e Erick Jacquin. Em entrevista ao Portal da Band, a cozinheira amadora falou sobre a dificuldade da prova.

Leia mais:
Fotos de Miley Cyrus beijando Kaitlynn Carter deixaram Liam Hemsworth ‘chocado’

"A gente tinha 20 cloches extremamente antagônicas, extremamente difíceis, e você nunca sabia o que viria depois. Então, a primeira escolha determinou quase todas as outras. Optei pelo peixe, porque a minha preocupação era vir uma carne muito estranha que eu não soubesse manipular", afirmou.

"A gente ainda teve de usar os 10 ingredientes. Tinham ingredientes muito legais com o Eduardo [Richard] e ingredientes muito mais suaves comigo. Então, eu não poderia pesar no sal, porque isso detonaria meu prato. E eu tinha alcaparras, aliche. Foi um desafio complexo", continuou.

"A minha linha era mais equilibrada, já a do Eduardo era um prato muito mais punk, muito mais gorduroso, com muito mais sabor. Eu gostaria de repente de ter pego a barriga de porco. Faria um peixe com barriga de porco, bem diferente, e com arroz negro, que eu gosto de trabalhar", completou.

A cozinheira acredita que os alimentos que selecionou acabaram ajudando Eduardo. "Talvez, a escolha dos ingredientes tenha determinado um prato muito mais equilibrado do que saboroso. É muito difícil você fazer um peixe saboroso sem muitas ervas ou especiarias ou nessas condições, onde eu tinha coisas muito salgadas misturadas com coisas completamente diferentes", explicou.

"Acho que esses ingredientes acabaram, de certa forma, prejudicando o sabor. Por exemplo, eu fiquei com medo de colocar o foie grass no prato porque o pirarucu é um peixe gorduroso. Então, eu acabei colocando ele na preparação. Eu joguei de coração, pois sabia que era uma prova decisiva. Fiz um prato que eu gostaria de comer. Nessa altura do campeonato, de qualquer maneira uma pessoa sai e não tem o que fazer", analisou ainda.

"A minha torcida fica agora para o Rodrigo [Massoni], claro. Acho que ele é extremamente estrategista e bom na cozinha. Ele tem um potencial enorme, principalmente por arriscar sempre. Acho que, para mim, ele ganha", finalizou.

 


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo