Funk, fé e ação embalam série 'Sintonia', estreia de Kondzilla para a Netflix

Nome constante do funk nacional na última década, Kondzilla agora se destaca na produção e direção de ‘Sintonia’, série que estreia nesta sexta (9) no Netflix

Por Metro Jornal

O canal de música Kondzilla estava longe de ter os atuais 50 milhões de inscritos no YouTube quando o produtor, videomaker e empresário Konrad Dantas pensou em contar uma história: o desafio de três amigos, moradores de uma favela em São Paulo, para comprar um tão sonhado tênis que custa R$ 1 mil.

LEIA MAIS:
Show do Metallica será exibido em cinemas; saiba onde assistir
Para tudo! Ludmilla, MC Lan e Skrillex lançaram música juntos

A narrativa ia virar apenas um curta metragem, mas a vocação do trabalho era do tamanho que o canal de música homônimo é hoje, terceiro maior do mundo e primeiro na America Latina, e essa história é contada a partir desta sexta-feira (9) em forma de série, com a estreia da primeira temporada de seis episódios de “Sintonia”, na Netflix.

A busca por um tênis caro, símbolo da conquista e da ostentação na favela, deu lugar a um papo mais sério, conta Dantas. “Ao lado da produtora Rita Moraes, percebemos que não se tratava apenas de um curta, mas de uma série inteira. Com um tamanho maior, a história poderia ganhar mais personagens e temas.”

Na trama, os três amigos continuam como na ideia original. Donizete, interpretado pelo MC Jottapê, é o rostinho que quer fazer sucesso no funk. Sua música de estreia gruda na cabeça desde o início e representa a voz do jovem na busca por seu sonho. Já Rita (Bruna Mascarenhas) mora sozinha e trabalha como marreteira, nas estações de trem.

Ao enfrentar a instabilidade do emprego, seu caminho se cruza com a religião evangélica. O terceiro escudeiro dessa amizade é Nando (Christian Malheiros), jovem traficante que tem ambição de crescer na “família.” “Cada um vai atrás do seu sonho e no meio do caminho é claro que vão enfrentar dificuldades. A relação dos três também é afetada”, explica Rita.

O produtor é hoje um dos principais nomes da história recente da música. Com quase mil videoclipes produzidos, tem em seu cartel trabalhos com nomes como Kevinho, DJ Marlboro, MC Brinquedo, as bandas Charlie Brown Jr. e Vespas Mandarinas, artistas de rap como Tropkillaz, Karol Conka e Racionais MC’s, até parceiro internacional, como Aloe Blacc.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo