'O Rei Leão' aposta em tecnologia de ponta para apresentar versão realista de animação clássica da Disney

Por Metro São Paulo com Metro Internacional

Maior bilheteria entre as produções da Disney lançadas nos anos 1990, “O Rei Leão” volta aos cinemas 25 anos depois com nova roupagem. Os traços desenhados e com cores fortes dão lugar a técnicas avançadas de computação gráfica e produzem um híbrido entre animação e live action que vem tornando este um dos remakes mais aguardados do ano.

A direção coube a Jon Favreu, que já havia tido sucesso com “Mogli: O Menino Lobo” (2016), outro longa com bichos falantes.

O desafio desta vez, no entanto, foi maior. “É uma grande responsabilidade, porque as pessoas amam o filme antigo. Meu trabalho era proteger esse legado, mas acrescentamos algumas coisas para fazer com que ele também parecesse novo”, diz o cineasta.

A trama de toques shakespearianos segue a mesma cartilha do passado e mostra a jornada de aceitação do leãozinho Simba de seu papel na savana africana, tudo embalado pelas vozes de astros como Donald Glover e Beyoncé. Há músicas novas, mas os sucessos que deram dois Oscars a Elton John, Tim Rice e Hans Zimmer continuam lá.

O que muda mesmo é o visual. “Tivemos que inventar novos procedimentos e novas técnicas, boa parte em realidade virtual. Construímos programas capazes de fazer movimentos de câmera de live action dentro de um filme de animação”, diz Favreau.

O diretor detalha o processo por trás das imagens. “Escrevíamos códigos a medida que percebíamos do que precisávamos. Essencialmente, construímos um jogo de realidade virtual multiplayer. A equipe colocava os óculos e os fones e entrava no jogo, fazendo os leões se moverem de um lado para o outro. Era como se estivéssemos filmando leões de verdade.”

Apesar dessas peculiaridades, o ofício do diretor não foi tão diferente dos sets de live actions convencionais.

“Trabalhei com os atores, mas de forma separada. Gravei suas vozes e atuações, eles iam para casa e depois eu trabalhava apenas com a equipe de filmagem e, depois, só com os músicos. Separei tudo, mas ainda pude trabalhar com os mesmos profissionais.”

Mas, afinal, este novo “O Rei Leão” é animação ou live action? “Acho que as duas coisas. Seguimos todos os passos de uma animação, mas também construímos cenas como live action dentro da realidade virtual. As pessoas podem ficar confusas, mas este filme deve parecer encaixado perfeitamente na coleção de live actions da Disney”, conclui.

Vozes estreladas

Saiba quem são os dubladores do filme:

  • Simba
    Nos EUA: Donald Glover
    No Brasil: Ícaro Silva
  • Nala
    Nos EUA: Beyoncé
    No Brasil: Iza
  • Scar
    Nos EUA: Chiwetel Ejiofor
    No Brasil: Rodrigo Miallaret
  • Pumba
    Nos EUA: Seth Rogen
    No Brasil: Glauco Marques
  • Mufasa
    Nos EUA: James Earl Jones
    No Brasil: Saulo Javan
  • Sarabi
    Nos EUA: Alfre Woodard
    No Brasil: Graça Cunha
O Rei Leão Divulgação
Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo