Admiradores aguardam ansiosos a chegada do novo bebê real britânico

Por Reuters

Na cozinha de Londres de Ryan Hatrick, o príncipe William e sua esposa, Kate, sorriem em uma fileira de xícaras com motivos da realeza, um ímã da rainha Elizabeth está preso no fogão e uma toalha de serviço de chá que comemora o casamento do príncipe Harry com Meghan Markle está pendurada em um canto.

Livros sobre a família real britânica ocupam a mesa ao redor da qual o labrador Windsor se diverte com seu brinquedo favorito: uma coroa gasta.

Hatrick, de 41 anos, é fã da realeza há tempos – ele lembra da mãe procurando algum lugar para ver o príncipe Charles se casar com Diana Spencer quando passava férias em um chalé remoto no litoral em 1981, e lia avidamente sobre a monarquia dos Tudor na adolescência.

“Acho que, em uma época em que estamos sendo inundados por notícias deprimentes… a realeza nos deu algo com que contar”, disse.

“O casamento de Will e Kate… o nascimento de (filhos) George, Charlotte e Louis, os casamentos de Harry e (sua prima e princesa) Eugenie, além do Jubileu e dos 90 anos da rainha… sempre algo com que contar.”

Hatrick, que trabalha no setor de segurança, já realizou até festas com temática real – em maio ele decorou um pub com balões e bandeirolas e encomendou um bolo para comemorar a união de Harry com a atriz norte-americana Meghan em uma cerimônia televisionada e assistida por milhões.

De Boston a Karachi, a família real britânica tem admiradores em todo o mundo que acompanham ansiosamente as ocasiões especiais, os eventos e, no caso de Kate e Meghan, os trajes.

Eles colecionam suvenires, viajam para ver os membros da realeza em público ou acompanham suas notícias à distância. Em uma era de redes sociais, novos tipos de fãs criaram páginas de Facebook, contas de Instagram e podcasts para plateias globais.

A conta @sussexroyal, que Harry e Meghan, que esperam o primeiro filho, inauguraram no Instagram em 2 de abril, bateu um recorde ao ser aquela que conquistou um milhão de seguidores mais rápido na plataforma, alcançando essa cifra em cinco horas e 45 minutos, segundo o Livro Guinness dos Recordes Mundiais.

“As pessoas sempre estão interessadas nas notícias, e o fato de que Harry e Meghan vão ter um bebê… é de interesse passageiros para a maioria das pessoas, mas é claro que há observadores reais que estão fascinados, e outras pessoas que só dão de ombros no pub”, disse a comentarista real Claudia Joseph.

 

 


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo