O Aprendiz: Conselheiro diz como chega a ganhar R$ 800 mil por dia

Por Ana Luiza Marques - Portal da Band

Um dos conselheiros de O Aprendiz, José Roberto Marques é referência em coaching no Brasil, tendo fundado o Instituto Brasileiro de Coaching e com mais de 30 anos de experiência na área. A procura pelo método de desenvolvimento tem crescido cada vez mais no País, assim como os preços cobrados pelas disputadas sessões: em um evento com três dias de duração para cinco mil pessoas, por exemplo, Marques e sua equipe chegam a faturar R$ 800 mil por dia de evento.

Leia mais:
MasterChef Brasil: Carlos tenta ‘fazer a Lubyanka’, mas não convence; veja memes
MasterChef Brasil: Magnólia? Fogaça erra nome de participante e jurados se divertem

Em entrevista ao Portal da Band, Marques contou o que é e como funciona o coaching. "É uma carreira que pode ser exercida por qualquer pessoa, independentemente da área ou formação acadêmica. É uma metodologia, um processo de desenvolvimento humano", definiu.

Como qualquer um pode exercer a função de coach, ele ensinou como diferenciar profissionais sérios e competentes de picaretas. "É preciso pesquisar sobre a instituição que este profissional se formou, verificar a legitimidade dos certificados que validam essa formação. Posteriormente, nas sessões, é importante perceber as ferramentas e os resultados das ações, se estão surtindo os resultados esperados e, principalmente, a atitude do coach em relação às sessões", disse.

Entre outras características importantes, estão "o sigilo das informações e a habilidade de conversar, apoiar, ajudar, conduzir sem dar sua opinião pessoal, pois se trata de um método que não diz o que o cliente deve fazer, mas o instiga a pensar e descobrir o que precisa ser descoberto", completou.

Respeitando a regra do sigilo, Marques não pode revelar quem foram seus "coachees" mais conhecidos, mas confirmou que são empresários famosos, de grandes empresas ou multinacionais. Para se chegar aos valores exorbitantes que cobra, o consultor e sua equipe "pensam quanto se fatura com um dia de treinamento e adaptam para a necessidade do contratante".

Em O Aprendiz, Marques coloca toda a sua expertise à disposição dos participantes e do apresentador Roberto Justus. Para ele, um dos maiores erros de profissionais dentro e fora do programa é a falta de planejamento, justificativa comumente usada pelas equipes perdedoras da prova da semana ao explicar seu desempenho.

"Viver caminhando em círculos não é o desejo de ninguém. Portanto, o planejamento é algo necessário para evitar muito dos desgastes e dos erros cometidos. O planejamento é o meio pelo qual definimos e organizamos nossas metas e objetivos e direcionamos nossas ações à sua realização", falou.

A falta de autoconhecimento também é uma lacuna grave para quem quer ser bem-sucedido profissionalmente e pessoalmente, de acordo com o especialista.

"Investir em autoconhecimento é designar esforços para entender a si mesmo em todos os âmbitos. Com a compreensão profunda de quem você é, é possível descobrir suas qualidades, capacidades, bem como os seus pontos que devem ser melhorados. Além disso, é possível saber lidar com isso tudo e encontrar as oportunidades para se desenvolver constantemente. O exercício regular desse conceito ainda permite que você compreenda melhor as pessoas ao seu redor", orientou.

O quarto episódio de O Aprendiz vai ao ar nesta segunda-feira, dia 8, às 22h.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo