Lollapalooza: Rapper Fióti relata episódio de racismo envolvendo segurança do Kings of Leon

Por Band.com.br

O rapper e empresário Evandro Fióti, irmão do também rapper Emicida, disse ter sido vítima de racismo no segundo dia do festival Lollapalooza, em São Paulo. Fióti contou a história no Twitter e afirmou que foi chamado de macaco por um segurança da banda Kings of Leon quando tentava acessar o backstage. Ele tinha pulseira de acesso ao local.

“O segurança da banda começou a levantar a voz e me xingar em inglês. E o segurança do Lolla não entendia uma virgula do que ele estava falando e eu entendi! Perdi a linha, fui pra cima do cara”, afirmou.

“O cara veio pra cima de mim, me xingou de macaco, eu revidei e dei uma voadora e acertei o segurança errado. O segurança do Lolla defendeu os caras porque eram a banda do festival. Eu pedi desculpas e disse que ele não entendeu uma virgula do que o cara me ofendeu. O que ele fez? Falou que eu não ia mais passar ali pra ir embora. Eu falei mais eu estou com a pulseira, só quero ir embora, ele me empurrou e ai a o bagulho endoidou…”, completou Fióti.

Veja abaixo o desabafo na íntegra:

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo