MasterChef: 'quis fazer do jeito mais clássico possível', diz Rodrigo

Por Band.com.br

O paulista Rodrigo Massoni enfrentou uma das provas técnicas mais temidas do MasterChef Brasil 2019. Em apenas 15 minutos, os participantes tiveram que destrinchar um frango inteiro e desossar os peitos antes de terem a chance de cozinhar para os jurados Henrique Fogaça, Paola Carosella e Erick Jacquin.

"Eu não estava preocupado, achei tranquilo. Eu já tinha destrinchado frango algumas vezes em casa mesmo. E desossar também foi tranquilo. Já estava esperando uma prova técnica nesse estilo, pelo prato principal ser frango à Cordon Bleu", disse em entrevista ao Portal da Band.

"Fiz uma versão clássica: um filé sobre o outro, com recheio no meio, de presunto e queijo. Só mudei a farinha para uma farinha de pão, mas foi isso. Nada muito complicado. Quis fazer do jeito mais clássico possível, já que é um prato clássico", completou.

De acordo com o engenheiro ambiental, sua postura na cozinha foi de concentração. "Eu não estava muito preocupado com o meu concorrente, porque o que iria fazer eu ganhar ou perder o avental era meu prato. Então, o que ele fez, não me importava muito. E eu acreditava no meu prato. Visualmente, como eu não tinha provado, ele estava bonito", disse.

"Eu sou muito concentrado. Focado, na verdade. E na cozinha do MasterChef eu serei igual. Vou seguindo o meu caminho, fazendo o meu e não prestando atenção nos outros. Pode ser um pouco complicado nas provas em equipe, ou não. Depende da personalidade das pessoas que eu não conheço bem ainda", continuou.

"Não posso afirmar ainda como vai ser, porque eu não tive essa experiência ainda. Mas a gente conversa com as pessoas e vê quem tem as ideias que batem mais. Acho que assim ficará mais fácil de trabalhar", finalizou.

Loading...
Revisa el siguiente artículo