Quer variar seu happy hour? Novo projeto ocupa a Praça das Artes com cultura e festas urbanas

Por Metro Jornal

Para quem procura algo novo para começar o fim de semana, a Secretaria Municipal de Cultura de SP lança uma ótima opção: o projeto Sextou na Praça apresenta, nesta sexta-feira (29), uma iniciativa de ocupação artística e cultural da Praça das Artes.

LEIA MAIS:
Vingadores: A internet brasileira descobriu um jeito de derrotar Thanos
Sandy e Junior: Justiça apura irregularidades na venda de ingressos

O happy hour, aberto ao público e gratuito, reúne semanalmente uma festa urbana de São Paulo e apresentações de música ou dança das escolas da Fundação Theatro Municipal de São Paulo, unindo erudito e popular, sempre das 18h às 23h.

Nesta sexta, o Sextou na Praça recebe às 18h30 a apresentação do Quarteto de Trompetes da Escola Municipal de Música de São Paulo. Com direção musical de Carlos Sulpício, o grupo é formado por Erick Domingues, Jessé Gomes, Matheus de Farias e Natã dos Santos.

Para quem procura agito, a festa Calefação Tropicaos ocupa o espaço até às 23h. O coletivo celebra a cultura brasileira, com foco em ritmos dançantes do norte e nordeste do país, e é inspirado em movimentos como a Tropicália e o Mangue Beat.

A Praça das Artes é um complexo cultural dedicado à música, dança, ao teatro e exposições. Ela ocupa um terreno em forma de ‘T’, que liga a Rua Conselheiro Crispiniano à Avenida São João e o Vale do Anhangabaú.

No último sábado (23), a área externa da Praça foi inaugurada, consolidando a integração ao Vale do Anhangabaú, derrubando muros e sendo mais um espaço de cultura e de circulação de público para fomentar a programação do centro da cidade. Cerca de 6 mil pessoas passaram pelo evento de inauguração que contou com mais de 15 atrações de dança, música e arte circense durante seis horas.

A programação das semanas seguintes já tem as suas festas confirmadas: Pardieiro, dia 5 de abril; e MEL, dia 12 – além das apresentações de música ou dança das escolas da Fundação Theatro Municipal.

Loading...
Revisa el siguiente artículo