Adeus, mídias sociais! Meghan Markle diz que não acompanha Twitter: 'Não me alimento de negatividade'

Por Metro Jornal

Em pleno Dia Internacional das Mulheres, Meghan Markle foi bastante requisitada e acabou falando um pouco sobre sua rotina 'virtual'. E o fato é que isso não existe mais.  Em um painel no King's College, em Londres, a duquesa de Sussex disse que não olha mais o Twitter.

Leia mais:
5 vezes em que Friends foi machista – e algumas boas sacadas feministas de Monica, Phoebe e Rachel
Dia Internacional da Mulher: Filmes e séries para entender por que elas não querem flores
“Minha decisão pessoal é não me alimentar de negatividade e ser mais orientada por ações e causas. Não faço parte deste mundo. Eu não acompanho (o Twitter). Desculpa, mas não. É minha preferêcia pessoal", disse quando perguntada sobre tuítes.

Declaradamente feminista, Meghan se juntou a um grupo de mulheres com a mesma causa e afirmou, no entanto, que lê a revista britânica The Economist, que mediava o debate. "Procuro um jornalismo que realmente  faça coberturas de impacto", disse ela, exemplificando com uma reportagem que a publicação fez sobre a Tanzania. "Isso é fundamental. Concentrar a sua energia nisso e não em coisas que talvez te afundem", disse.

Antes de se envolver com o Príncipe Harry, com quem está casada há quase um ano, Meghan era ativa no Instagram e mantinha um site sobre lifestyle. Além de deixar a carreira de atriz – seu último papel foi em "Suits' – ela também desativou tudo isso.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo