Aguinaldo Silva diz que separação de José Loreto não muda novela

Por Estadão Conteúdo

Aguinaldo Silva, autor de novelas da Globo, disse que o caso envolvendo a separação de José Loreto e Débora Nascimento não vai interferir no andamento de "O Sétimo Guardião", produção de sua autoria na qual o ator participa.

"É absolutamente infundada a 'notícia' que circula na web sobre a morte do personagem Júnior em "O Sétimo Guardião". A vida pessoal de Zé Loreto é da responsabilidade dele e de sua família, assim como é a minha e a de todos nós", iniciou o autor em uma publicação no Facebook.

Nesta quinta-feira, 21, surgiram rumores de que Loreto deixaria a novela, na qual faz par romântico com Marina Ruy Barbosa no papel de Luz. A mudança na trama seria por um suposto envolvimento pessoal entre os dois atores.

"Como profissional, o ator é um dos mais brilhantes expoentes da sua geração, sendo elemento imprescindível na trama", completou Silva.

Ele usou uma passagem da Bíblia para defender José Loreto. "Para os sedentos por sangue, falsos baluartes da moral, recomendo a leitura de uma das mais belas (e formativas) passagens da Bíblia: João 8:1-11. 'Quem não tiver pecado atire a primeira pedra'. Só Jesus é sem pecado e o seu humanismo é atual hoje e sempre! A vida só tem uma direção: para a frente! Vamos cuidar de fazer a nossa parte", concluiu Aguinaldo Silva no esclarecimento.

Em entrevista à colunista Patrícia Kogut, do jornal O Globo, o autor reforçou seu posicionamento. "Não tenho nada a ver com essa história de bastidores. Estou no capítulo 126. Na minha casa, faltam 35 capítulos para o final. Só no último saberemos se a Luz fica com Gabriel (Bruno Gagliasso) ou Júnior (José Loreto). Até lá, no que depender de mim, os três continuarão na novela", disse.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo