Ao lado de Bradley Cooper, Clint Eastwood volta a atuar em ‘A Mula’

Por Metro Jornal

Clint Eastwood, 89, segue ativo como diretor, mas, desde “Curvas da Vida” (2012), ele não surgia à frente das câmeras. Isso é remediado com “A Mula”, que estreia nesta quinta-feira (14).

Leia mais:
Clássico mangá dos anos 1990 vira filme em ‘Alita: Anjo de Combate’
Minha Fama de Mau: Chay Suede é Erasmo Carlos em cinebiografia do cantor; leia entrevista

O longa acompanha a vida de Earl (Eastwood), nonagenário que, após ver seu negócio falir, passa a transportar drogas pelas estradas dos EUA.

Com o dinheiro, ele tenta remendar as frágeis relações com a família, que sempre renegou em prol do trabalho, enquanto se desvia do policial Colin (Bradley Cooper). O filme, no entanto, fica aquém do talento Eastwood, que também o dirige.

Um dos motivos para isso está no roteiro de Sam Dolnick (“The Fourth Estate”) e Nick Schenk (“Gran Torino”), que não se decide: afinal, estamos vendo um thriller policial, um drama familiar ou um filme de roadtrip? 

O grande chamariz de “A Mula”, porém, é ver um idoso em um papel tão central, algo raro em Hollywood, mas muito bem-vindo. Afinal, a maturidade em cena de alguém como Eastwood é sempre um presente.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo