Força na Fé: MPB, soul e samba rock dão o tom do EP de estreia de Katatal

Por Metro ABC

Depois de tanto tempo na estrada, parecia natural para Katatal Felipe, 41 anos, começar a trilhar seu próprio caminho. Há mais de três décadas tocando ao lado de grandes músicos, o artista de São Bernardo deu início a carreira solo com “Força na Fé”, EP lançado no ano passado.

Acompanhando, ainda com 10 anos de idade, a sambista Jovelina Pérola Negra, mal podia imaginar o que a música iria lhe proporcionar. “Até mesmo quando a  gente começa, não tem a dimensão do que vai fazer. É um amor que te move”, conta Katatal. No seu caso, o colocou ao lado de artistas consagrados, como Toquinho, Roberto Menescal, Beth Carvalho, Bezerra da Silva, Arlindo Cruz, Sombrinha, Leci Brandão, Diogo Nogueira e Rappin Hood.

Leia mais:
Visões da Vila Ferroviária: Paranapiacaba sob a lente da fotografia
Grammy 2019: Veja a lista COMPLETA com os vencedores das 84 categorias

A carreira solo veio por estimulo de amigos, que o incentivaram a lançar vídeos de músicas suas na internet. Com a boa repercussão, resolveu fazer show no Teatro Martins Penna, em São Bernardo, em julho de 2017. Alguns meses depois, a gravação da apresentação se tornou “Força na Fé”, lançado de forma independente, com quatro faixas.

Até pela trajetória, seu som reflete uma mistura entre o MPB, soul e samba rock. Como influências, ele cita os Racionais MC’s, Tim Maia, Jorge Ben Jor, Caetano Veloso, Djavan, João Gilberto, Marvin Gaye e Stevie Wonder. Os instrumentos do disco acompanham a diversidade: violão, surdo, contrabaixo acústico e até toca-discos – isto é, os scratches feitos nele por DJ Tano – são alguns dos sons do EP.

Hoje, Katatal divide seu tempo entre a música e a educação. Formado em letras, história, geografia, com pós em gestão ambiental e, mais recentemente, em estudo em religião, ele leciona na rede pública estadual há 19 anos. Atualmente, é professor de geografia na Escola Estadual Maria Iracema Munhoz, em São Bernardo, onde é apelidado pelos alunos de Mano Brown.

Para o futuro, o artista de São Bernardo diz que prepara um álbum. Mas vai dar trabalho: ele terá que escolher faixas dentre as mais de 80 composições que já tem feitas. “Vamos gravar tudo do jeito que é, fazer tudo muito rústico e organicamente, como a arte deve ser”, diz sobre o processo. “Vai vir muito mais black music”, antecipa.

Entre a sala de aula e os palcos, sua agenda não para. Katatal já tem shows marcados na Praia Grande, no litoral, e participação garantida no programa Boogie In Braza, da Rede Brasil Atual, no próximo mês, além da sua presença semanal garantida na Vila do Samba, em São Paulo. “O dia tem 24 horas”, brinca.

O EP “Força na Fé” está disponível nas principais  plataformas de streaming e sua cópia física pode ser comprada pela página no Facebook de Katatal.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo