Bradley Cooper ficou 'envergonhado' por não ser indicado ao Oscar de Melhor Diretor

Por Metro Jornal

O ator e diretor Bradley Cooper confessou nesta terça-feira (5) que se sentiu "envergonhado" ao não receber uma indicação de Melhor Diretor nos Oscars.

Cooper, que protagonizou ao lado de Lady Gaga e dirigiu o longa Nasce uma Estrela, era um dos nomes cotados para as categorias de Melhor Diretor. Enquanto o astro conseguiu uma nomeação para Melhor Ator, sua estreia na direção não o garantiu a categoria de direção.

LEIA MAIS:
Conheça ‘Hand Solo’, o jovem espanhol que criou um braço robótico com blocos de Lego
La Casa de Papel: Apontam novo alvo dos assaltantes na 3ª parte da série
Aprovada! Ariana Grande elogia nova namorada de Pete Davidson, atriz 20 anos mais velha que ele

"Eu não fiquei surpreso, nunca fico surpreso por não ser indicado", contou, em entrevista à Oprah Winfrey. "Eu estava com um amigo em Nova York numa cafeteria quando chequei meu celular, e Nicole [assessora de Bradley] me mandou mensagem, e me parabenizou, mas ninguém me disse as más notícias".

"E então eu falei, 'oh, uau'. E a primeira coisa que senti foi vergonha", declarou.

Nasce uma Estrela recebeu oito indicações na premiação, incluindo Melhor Filme, Melhor Ator e Melhor Atriz, para os protagonistas Cooper e Gaga. Bradley ainda recebeu uma indicação do Sindicato dos Diretores dos EUA por seu papel no filme. No entanto, a rejeição dos Oscars o marcou.

"Fiquei com vergonha por não ter feito minha parte. Tipo, 'meu Deus, não fiz meu trabalho"", continuou. "Mas a verdade é que, mesmo se eu fosse indicado, isso não deveria me dizer se eu fiz meu trabalho ou não. Esse é o truque. O truque é fazer algo em que você acredita, e trabalhar duro".

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo