Michael B. Jordan enfrenta filho do homem que matou seu próprio pai em 'Creed 2'

Por Metro Internacional

O universo em torno de Rocky Balboa está mais vivo que nunca com “Creed 2”, que estreia hoje. Agora, o boxeador Adonis, vivido por Michael B. Jordan, se vê diante do desafio de enfrentar Viktor (Florian Munteanu), filho de Ivan Drago, que matou o pai do mocinho em pleno ringue, durante uma luta retratada em “Rocky 4” (1985).

Leia mais:
A Favorita: embalado por trio feminino robusto, filme narra disputas da corte britânica
Contradições absurdas dos EUA são expostas em ‘Green Book: O Guia’

“Creed 2” é um filme sobre lutas, mas também tem uma mensagem sobre a importância de manter por perto as pessoas que você ama. Estou certo?

O filme é sobre família e encontrar os motivos certos para enfrentar uma batalha. No caso de Adonis, isso significa entender por que ele deve continuar a lutar. Um dos motivos é deixar para trás a sombra do pai. Ao mesmo tempo, ele precisa tomar conta de sua família. O filme mostra ainda um tipo de masculinidade que nos faz perguntar o que faz um homem. É possível enxergar muitas coisas nesse filme, mas o foco é na importância de ter uma família unida.

Como foi dividir a cena com Sylvester Stallone?

Ele sempre conversou comigo sobre a indústria do cinema e sugeriu que eu aproveitasse meu papel para marcar posição tanto à frente quanto atrás das câmeras, abrindo caminho na minha carreira e tomando as decisões certas.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo