'Filme do Queen': Bohemian Rhapsody ganha versão karaokê

Por Ansa

Depois de ter conquistado o Globo de Ouro como Melhor Filme Dramático, "Bohemian Rhapsody" estreou nas salas de cinema americanas em sua versão "sing-along" (cante junto, na tradução livre), como se fosse um karaokê, na última sexta-feira (11).

Cerca de 750 cinemas dos Estados Unidos permitiram que o público entoasse as mais célebres canções da banda britânica Queen, enquanto nas telonas percorriam as legendas dos grandes sucessos, como "We Are the Champions", "Another One Bites the Dust" e "We Will Rock You".

"Bohemian Rhapsody", que leva o nome de uma famosa música da banda, conta a vida e carreira do vocalista Freddie Mercury, nascido em Zanzibar (que hoje se chama Tanzânia), e morto tragicamente de Aids em 1991, aos 45 anos. Desde sua estreia em novembro, o longa se tornou a cinebiografia musical de maior sucesso da história do cinema, com U$ 750 milhões arrecadados em todo o mundo, enquanto na Itália o filme desponta como o 4º maior hit dos últimos 10 anos. Além de triunfar na categoria de Melhor Filme Dramático, o longa garantiu a Rami Malek o Globo de Ouro de Melhor Ator pela sua performance no papel de Mercury.

"Estamos felizes por poder dar ao público a oportunidade de ver esse filme extraordinário, seja na forma original ou na nunca experimentada sing-along", afirmou o presidente da distribuição nacional da Fox, Chris Aronson. A Fox já usou o sing-along em 2017 para o musical com Hugh Jackson, "O Rei do Show", e as projeções tiveram grande sucesso no Reino Unido.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo