Vikings: Morte dupla marca o início de uma nova era na série

Por Victória Bravo

O episódio 14 da quinta temporada de “Vikings” foi exibido nos Estados Unidos e marcou o início de uma nova e sombria era na série. Este texto contém spoilers!

View this post on Instagram

Calling all Norsemen, Vikings begins on @history NOW! ⚔️

A post shared by VIKINGS (@historyvikings) on

Nos últimos acontecimentos, soubemos que Ivar (Alex Høgh) realizaria um sacrifício. Este momento chegou e rei mostrou um plano desonesto: matar Lagertha (Katheryn Winnick) diante do povo para que ele perdesse qualquer esperança associada ao seu retorno.

Com Lagertha na Inglaterra, Ivar mentiu e sacrificou qualquer outra mulher no seu lugar. Esperando que agora seu povo se submeta completamente ao novo reinado.

Mas as mortes não pararam por aí!

Ivar também se mostrou convencido de que é um deus, já que ser somente rei de Kattegat não satisfez seu ego. No entanto, o Vidente (John Kavanagh) se recusa a confirmar que Ivar é realmente uma divindade e revela ainda que os olhos do viking “o traicionam” e seu caminho está “cheio de lixo e sujeira”.

Isso enfurece o rei que acerta a cabeça do Vidente com uma machadada.

Assim como o “sacrifício” de Lagerth, a morte do Vidente certamente impactará a sociedade de Kattegat, já que este personagem representava – além de uma ligação com os deuses – uma figura importante para todos e que permaneceu intocável desde o início da série.

Ivar, mais do que nunca, mostra que veio para dar todas as regras! No entanto, essas atitudes deixarão as coisas complicadas também para ele.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo