Kéfera rebate críticas que sofreu de youtuber por debate sobre feminismo na TV

Por Metro Jornal

O youtuber catarinense Lucas Feuerschütte, o Luba, fez um vídeo em que critica a participação da colega Kéfera Buchmann durante discussão sobre feminismo no "Encontro com Fátima Bernardes" na última semana. Luba postou o trecho em que Kéfera discute com um homem da plateia e, depois, exibiu inúmeros memes decorridos da participação, em que a intérprete de Mariane em "Espelho da Vida" fala termos como manterrupting e mansplaining.

Na manhã desta terça-feira (18), Kéfera rebate as falas de Luba. "Só consigo pensar numa coisa, será que vcs adivinham: manspl___________ (vcs completam o restante) um homossexual branco que não acredita em lugar de fala definitivamente está fazendo um desserviço à todos, uma pena. Mas acredito na evolução de todos. Boa sorte, Luba", escreveu Kéfera no Twitter.

No vídeo, Luba diz que não chegou a ver o vídeo inteiro. "Não estou aqui para falar sobre feminismo em si. Escolhi essa notícia mais pelas falas da Kéfera. Todo esse negócio de ai, esse não é o seu lugar de fala, 'ai, você não pode falar comigo porque você é homem"", disse ele, completando que falta o brasileiro saber debater.

"Dizer 'você é um homem, logo você não pode falar sobre isso comigo é um argumento falso. É uma falácia chamada argumentum ad hominem, que é quando você ataca a pessoa que está argumentando, ao invés de atacar o argumento que ela está utilizando", afirmou.

Luba e Kéfera Reprodução
Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo