Miley Cyrus diz que a mãe a influenciou a fumar maconha de novo

Por Metro Jornal

Em 2017, a cantora Miley Cyrus revelou que havia parado de fumar maconha para se concentrar em suas composições. Ela queria estar alerta para fazer música, embora já tenha dito que a cannabis era seu "primeiro amor".

Leia mais:
Liam Hemsworth desmente separação de Miley Cyrus com gesto sutil no Instagram
Miley Cyrus pira com presente de aniversário de Liam Hemsworth

No entanto, ela admite que não se afastou totalmente do hábito. Em entrevista ao tabloide The Sun para promover o novo single, "Nothing Breaks Like a Heart", Miley afirmou que fuma um pouco, mas sempre quando não está trabalhando. "Nós damos uma tragada às vezes. Aqui e ali, sabe", disse ela. "Minha mãe que me influenciou a voltar. Acho que não funciono no meu nível mais alto, inteligente e mais alerta, então não fumo quando trabalho", disse ela.

Tish Cyrus, 51 anos, é conhecida por manter uma relação direta com os filhos, sem muitas amarras. "Sou muito aberta com meus filhos. E eu acho que é por isso que nós temos esse relacionamento. Muitos limites funcionam mal", contou a mãe ao site Popsugar.

Miley costuma falar abertamente sobre maconha e já admitiu que pretendia voltar a fumar. "Não é para mim neste momento. Mas tenho certeza de que haver[a um dia em que eu vou poder aproveitar", disse ela em entrevista a Jimmy Kimmel.

 

 

 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo