Morre aos 86 anos o pintor paulistano Jorge Mori

Por Metro Jornal

Morreu na última terça-feira (20) o pintor, desenhista e gravador Jorge Mori, aos 86 anos. O artista ficou conhecido em 1951, quando se tornou o mais jovem a participar da 1a Bienal de São Paulo, com 19 anos.

Leia mais:
Marieta Severo estrela o longa A Voz do Silêncio
Festival Sesc de Música de Câmara une artistas nacionais e estrangeiros

Mori estudou pintura com Yoshya Takaoka, em 1944, e realizou sua primeira exposição individual três anos mais tarde, quando tinha apenas 14 anos. Um ano antes já havia participado do Salão dos Recusados do XI Salão Paulista de Belas Artes.

Entre 1950 e 1952 integrou o Grupo Guanabara, composto apenas por artistas de origem nipônica.

Autodidata e de vocação expressiva, Mori pintou telas de vários gêneros, com preferência à figuração.

CORREÇÃO

Publicamos uma imagem errada na reportagem, publicada no dia 22 de novembro. A foto mostrava Jorge Suguio Mori, que está vivo. Corrigimos a imagem por uma do pintor Jorge Mori.

Pedimos desculpas a Jorge Suguio Mori, seus familiares e seus amigos por qualquer dano, ofensa ou sofrimento causado pelo erro.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo