Após conversão ao islamismo, Sinead O'Connor diz que não convive mais com 'brancos'

Por Metro Jornal

Após revelar que se converteu ao islamismo, a cantora irlandesa Sinead O'Connor continua fazendo declarações polêmicas.

Em sua conta no Twitter, que mantém ativa, Sinead, ou Shuhada' Davitt, nome que adotou após a conversão, se desculpou antes por postar um tuíte 'racista', mas disse que vai cortar relações com pessoas de fora da religião, que chamou de 'pessoas brancas'.

"Sinto muito. O que vou escrever a seguir é algo tão racista que nunca pensei que pudesse me sentir dessa maneira. Mas, verdadeiramente, eu nunca mais quero conviver com pessoas brancas de novo (se é assim que pessoas não muçulmanas são chamadas. Nem por um momento, por qualquer razão. Eles são nojentos", escreveu ela.

O tuíte gerou respostas fortes de alguns seguidores, que a chamaram de hipócrita e radical.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo