Declaração de Keira Knightley envolvendo maternidade de Kate Middleton causa polêmica: 'Esconda nossa dor'

Por Victória Bravo

Após todos os seus partos, Kate Middleton deixou o hospital em poucas horas, com look, cabelos e maquiagem perfeitos.

Em todas as ocasiões, muitas mulheres se perguntaram como a duquesa de Cambridge conseguia uma “aparência impecável” após um processo tão delicado que é o parto.

A atriz Keira Knightley – protagonista do clássico “Orgulho e Preconceito” – questionou o assunto e usou o nascimento dos bebês reais como exemplo.

Para ela, essa atitude só contribui para que outras mulheres tenham uma  expectativa irrealista da maternidade.

Aos 33 anos, Keira deu à luz a sua filha Edie, apenas um dia antes que Kate a tivesse a princesa Charlotte – filha do meio do casal real – em 2015.

Na manhã de 2 de maio, depois que Kate deu à luz a Charlotte, ela e o príncipe William deixaram o hospital e mostraram o bebê para a imprensa. Radiante, a monarca usava um vestido amarelo florido, maquiagem e sapatos de salto alto.

Keira relembra sua experiência, muito diferente da de Kate, em um ensaio intitulado “O sexo frágil”, que aparece no livro “Feminists Don't Wear Pink (And Other Lies)”, un projeto liderado pela escritora Scarlett Curtis.

"Nós paramos e olhamos para a tela da TV. Kate estava fora do hospital, sete horas após o parto, maquiagem e saltos. Essa é a cara que o mundo quer ver", escreveu Keira, de acordo com o The Guardian.

E ela foi ainda mais direta: "Esconda nossa dor, nossos corpos divididos, nossos seios gotejamento, nossos hormônios em fúria. Não os mostre", completou.

A partir desta crítica, a artista demonstrou que não deseja atacar a monarca, mas sim mostrar como a sociedade exige que as mulheres recuperem seu corpo anterior à gravidez o mais rápido possível –  mesmo horas depois de dar à luz a uma nova vida -, ocultando a realidade do parto e maternidade.

No ensaio, Keira  lista de forma honesta cada um dos detalhes físicos que teve que lidar no parto e após ele, falando desde os vómitos, sangue e pontos de sutura, até como quando sua filha queria mamar e ela sentia muita dor.

 

 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo