Madonna entra no movimento contra Bolsonaro: 'Ele não vai nos oprimir'

Por Metro Jornal

Depois de Lauren Jauregui e Dua Lipa demonstrarem que a pauta brasileira está em evidência lá fora, a diva mor da música pop também se posicionou a respeito da situação política no Brasil. Madonna juntou-se, na manhã desta sexta-feira (28/9), ao movimento contra o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL).

Em seu Instagram Stories, Madonna publicou uma foto dela mesma com uma uma fita adesiva cobrindo sua boca. "FREEDOM" (liberdade) dizia a mensagem da 'mordaça'.

Ela publicou as hashtag do movimento, #EleNão em letras grandes e explicou, em português. "#EleNão vai nos desvalorizar, #EleNão vai nos oprimir e #EleNão vai nos Calar".

Abaixo, completou com outra hashtag, agora em inglês: #endfascism (fim ao fascismo).

 

Madonna EleNão Reprodução

 


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo