Quase Famosos ganha versão musical para a Broadway

Por Metro Jornal

Ambientado nos anos 1970, a comédia "Quase Famosos" (2000) é significativa para amantes da música nascidos em todas as décadas. A novidade é que o filme, ligeiramente autobiográfico, está sendo adaptado para os palcos pelo próprio roteirista e diretor, Cameron Crowe.

Segundo a revista Rolling Stone, Crowe tem trabalhado na ideia há alguns anos. Ele mesmo escreveu a história e as letras das canções, arranjadas por Tom Kitt, de "American Idiot", do Green Day. A direção deve ficar a cargo de Jeremy Herrin ("People, Places and Things").

Crowe, assim como Will (Patrick Fugit), protagonista do filme, foi um jovem repórter especializado em música que escreveu inclusive para a Rolling Stone. "Eu me lembro do primeiro dia de filmagem de 'Quase Famosos'. Nós estávamos no centro de San Diego, filmango uma cena com Phillip Seymour Hoffman na mesma rua onde eu conheci Lester Bangs. Foi surreal. Foi como um milagre. Liguei para um amigo e disse 'Como eu cheguei aqui?' Ele riu e disse: 'aproveite, isso não vai acontecer de novo"", lembrou.

A data de lançamento ou elenco não são coisas definidas ainda, mas Crowe pretende estrear nos "próximos meses".

Na história, Will, um estudante superprotegido de 15 anos, engana os editores da Rolling Stone para parecer mais velho e viajar acompanhando a banda fictícia Stillwater e escrever uma reportagem que vai mudar a sua vida. E a da banda.

Crowe ganhou Oscar de roteiro original. Frances McDormand, que faz a mãe de Will, e Kate Hudson, que interpreta Penny Lane, uma groupie apaixonada pelo guitarrista da Stillwater (Billy Crudup), foram indicadas ao mesmo prêmio na categoria atriz coadjuvante.

Veja prévia de uma das canções do projeto:

 

 

 


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo