Mãe de Demi Lovato fala pela primeira vez sobre overdose: 'Por dois dias, não sabíamos se ela sairia dessa'

Por Metro Jornal

Dois meses após a overdose de Demi Lovato, sua mãe veio a público pela primeira vez para falar dos tempos difíceis que a filha tem enfrentado desde então. Na última quarta-feira (19/9), Dianna De La Garza concedeu uma entrevista para Newsmax TV em que falou, entre outras coisas, sobre como foi receber a notícia.

Leia mais:
Demi Lovato coloca à venda casa em que sofreu overdose
Selena Gomez conta como se reaproximou de Demi Lovato após overdose

“Ainda é uma coisa muito difícil para eu conversar. Eu realmente comecei a tremer um pouco quando eu lembro o que aconteceu naquele dia. (A assistente da Demi me ligou e) disse que ela tinha tido uma overdose. Então, eu entrei em choque. Eu não sabia o que dizer. Foi apenas algo que ue nunca imaginei que fosse escutar, como uma mãe, sobre uma das minha filhas”, contou Dianna.

Depois de saber que Demi estava consciente, mas não falava, a família foi para Los Angeles, onde Demi mora.  “Dallas, Madison (as irmãs de Demi) e eu pulamos do carro para o pronto-socorro e corremos para estar ao lado dela. Ela não parecia estar bem, de maneira alguma. Ela realmente estava muito mal. Mas, eu disse a ela: 'Demi, eu estou aqui. Eu te amo'. Ela me respondeu: 'Eu te amo também'”.

Dianna conta que a situação estava realmente grave. "Minha fé é forte. Eu acho que foi uma das coisas que me fizeram aguentar os dias seguintes, quando ela estava numa situação crítica. Por dois dias, nós não sabíamos se ela conseguiria sair dessa ou não”.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo