Megatubarão: animal de mais de 20 metros existiu realmente; veja mais curiosidades sobre o filme

Por Metro Jornal

"Megatubarão", uma das estreias dos cinemas brasileiros nesta quinta-feira (9), é uma superprodução que atualiza o gênero de horror que se baseia em versões cada vez mais bizarras de ataques de tubarão. Dessa vez, o animal tem mais de 20 metros (que existiu de verdade!) e encurrala pessoas em um submarino.

A dramatização do tubarão pré-histórico atraiu a atenção. Veja abaixo algumas curiosidades sobre o filme:

  • O filme foi baseado no livro "MEG: A Novel of Deep Terror", de Steven Alten, publicado em 1997
  • A atriz Ruby Rose, que interpreta Jaxx, quase se afogou no set de filmagens.
Megatubarão Divulgação
  • Desde que o livro foi lançado, o projeto passou de mão em mão. A Disney se interessou, mas ficou com medo de fazer um filme com essa temática logo após "Do Fundo do Mar", que a Warner produziu em 1999
  • A produção foi rodada na Nova Zelândia
  • O megalodon, tubarão que é retratado no filme, existiu realmente! Foi o maior predador que já viveu, medindo 20 metros, três vez mais que o tubarão-branco (espécie do clássico "Tubarão"), e chegando a pesar 60 toneladas. Está extinto há mais de 2.6 milhões de anos.
  • O diretor Eli Roth (de "O Albergue") foi substituído por Jon Turteltaub ("Harper's Island") porque queria incluir cenas que subiriam a classificação indicativa e, segundo boatos, também queria interpretar Jonas, o personagem principal, que ficou com Jason Statham. Roth trabalhou como ator em "Bastardos Inglórios".
Jason Statham Divulgação
  • O cachorro que aparece no trailer, Pippin, parece ser uma referência em homenagem a "Tubarão" (1975), clássico do gênero, em que um cachorro desaparece no mar logo antes de um grande ataque do tubarão-branco.
Pippin megatubarão Reprodução

Assista ao trailer:

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo