Bienal do Livro: narrativa das histórias em quadrinhos reúne grandes nomes nesta 4ª

Por Metro Jornal
selo bienal do livro

Tem muito jeito de contar uma história – e os quadrinhos são um modo cada vez mais usado para fazê-lo.

É por isso que eles são o tema de uma mesa que acontece nesta quarta-feira (8), às 17h, no Salão de Ideias, na 25ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo, que segue até domingo (12) no Anhembi.

Quatro dos principais expoentes do gênero no país, de diferentes vertentes, foram reunidos para o debate.

André Dahmer (criador dos “Malvados”), os irmãos Fábio Moon e Gabriel Bá (vencedores do prêmio Eisner, o “Oscar” das HQs) e Raquel Segal (autora da página “Aquele Eita”) vão discutir o potencial narrativo das HQs, sejam elas de humor, de crônicas ou de protesto, além de tentarem responder à pergunta: é possível dizer que a história em quadrinhos produzida no Brasil tem características próprias?

Antes disso, às 15h, no mesmo espaço, o autor revelação Geovani Martins (de “O Sol na Cabeça”) se junta aos também jovens escritores Henrique Rodrigues e Carlos Eduardo Pereira para falar sobre o impacto da realidade que os cerca na literatura de cada um.

Na Arena Cultural Bic, o destaque é um bate-papo com o americano Charlie Donlea, autor do thriller “A Garota do Lago”, às 16h.

Serviço:
No Pavilhão de Exposições do Anhembi (av. Olavo Fontoura, 1.209, Santana). Nesta quarta-feira (8), das 10h às 22h. R$ 20.

Veja o que mais acontece nesta quarta na Bienal:

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo