Artes marciais são diferencial de aventuras da série Into the Badlands

Por Metro Jornal

Você já ouviu falar de “Into the Badlands”? Exibida pelo canal pago AMC – o mesmo de “Mad Men” –, a série já está na terceira temporada, que estreia nesta segunda, às 22h30 .

O pouco burburinho em torno da produção talvez tenha a ver com o fato de ela acabar atraindo mais olhares de um nicho específico: o de fãs de artes marciais.

“Todos os nossos personagens tentam sobreviver, então [o treinamento em lutas] é o melhor espaço para alcançar esse estado físico e espiritual de interpretação”, afirma Aramis Knight, intérprete do jovem guerreiro M.K. A série se passa em uma espécie de distopia que empurrou a sociedade de volta para o período feudal.

O protagonista é Sunny (Daniel Wu), que usa de suas habilidades em luta para sobreviver nesse mundo pós-apocalíptico chamado de Badlands. A terceira temporada começa com o herói em uma espécie de exílio.

O problema é que isso o afasta de seu filho, que sofre de uma doença misteriosa. Para salvá-lo, Sunny se une a aliados em uma missão que vai jogá-lo em uma guerra que busca restaurar a paz local.

“O caos impera e não tem como controlá-lo, porque não existem governo nem regras além das que nós mesmos estabelecemos. Isso faz com que a série não tenha antagonista: os personagens não são bons nem maus, e o público simpatiza com isso”, diz Knight.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo