MasterChef: O nível foi surpreendente, diz Laurent Suaudeau

Por band.com.br

A prova de eliminação desta semana não foi nada fácil. Hugo Merchan e Thiago Gatto tiveram de disputar uma vaga na semifinal do MasterChef Brasil 2018 preparando uma paupiette de pescadinha pochée, emulsão ao limão e quenele de batata – uma receita do renomado chef Laurent Suaudeau.
Após uma aula cheia de técnicas, os cozinheiros amadores tentaram mostrar porque mereciam avançar na competição. "O nível dos candidatos foi extremamente surpreendente por se tratar de amadores. Esses dois, pelos menos o que eu vi, têm capacidade de se tornarem grandes profissionais", afirmou o francês em entrevista ao Portal da Band.

"Não tenho a menor dúvida disso. Acho que o Hugo se destacou porque ele teve um pouco mais do que a gente chama de maîtrise. Quer dizer, mais de controle sobre seu trabalho, menos nervoso, mais organizado, além de uma capacidade, uma habilidade manual que realmente se destaca", continuou.

"E o resultado final do prato dele era melhor, em termo de cocção do peixe, da própria acidez do molho. Eu diria que a diferença foi mais na questão do trabalho, do que simplesmente o prato em si. Lembrando que realmente o peixe do Thiago faltou um pouquinho de cocção", completou o chef.

Laurent ainda teceu elogios ao talent show, por seu alcance nacional. "O MasterChef Brasil é um programa extraordinário porque, antes de mais nada, permite realmente compenetrar em todos os lados brasileiros, mostrando como a arte da cozinha é fundamental dentro de um processo de vida pessoa. E mostrando que a cozinha é algo muito importante na vida de cada um de nós", finalizou.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo