Suzane von Richthofen terá história contada no filme A Menina que Matou os Pais

Por Metro Jornal

Presa pelo homicídio dos pais desde 2002, Suzane von Richthofen vai ter sua história contada no cinema. Com direção de Maurício Eça ("Apneia" e "Carrossel"), o drama psicológico deve estrear no próximo ano.

Hoje com 34 anos, Suzane planejou as mortes de Mandred e Marísia von Richthofen. O engenheiro e a psiquiatra paulistas foram atacados enquanto dormiam por Daniel Cravinhos, namorado de Suzane à época, e seu irmão, Cristian Cravinhos. Suzane abriu a porta e escondeu joias e dinheiro da família para simular um latrocínio.

O roteiro foi escrito por dois especialistas: a criminóloga Ilana Casoy, criminóloga, especialista em serial killers do Brasil e o escritor de literatura policial Raphael Montes. A pesquisa durou mais de seis meses.

Em comunicado, Eça falou sobre o tom do filme: "O filme traz um tema que muita gente conhece e tem ideias pré-concebidas, mas as pessoas não sabem o mais importante que é o motivo que levou a filha e seu namorado a matarem seus pais. Por isso, esse projeto parte de um grande desafio que é entender um pouco a mente de cada um dos dois assassinos", afirmou.

O elenco ainda não foi divulgado.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo