MasterChef Brasil: Foi o momento mais tenso da competição, diz o eliminado Thiago

Por Band.com.br

O policial militar Thiago Gatto enfrentou Hugo Merchan em uma prova de reprodução de um prato do renomado chef Laurent Suaudeau, mas acabou sendo eliminado do "MasterChef Brasil" nesta terça-feira (17) após ver a criação do seu oponente ser escolhido como o melhor da noite.

Em entrevista ao Portal da Band, o cozinheiro amador falou sobre a sua saída do programa. "Acho que foi o momento mais tenso da competição até agora. Eu e o Hugo tínhamos 50% de chances de cada um sair", relembrou Thiago.

Leia mais:
MasterChef Brasil: cozinheiros disputam última prova em equipe da quinta temporada
MasterChef Brasil: depois de duelo com Hugo, Thiago é eliminado do programa

"Disputando com uma pessoa só, era clima de final. E uma final com uma responsabilidade muito grande, porque reproduzir um prato que chef Laurent ensinou a gente a fazer é algo inimaginável. Não existia responsabilidade maior que aquela", completou.

De acordo com o policial militar, a aula dada pelo chef Laurent Suaudeau foi crucial para a prova. "Graças a aula, eu tive convicção que dava para fazer o prato. O único problema era: 'Dá para fazer o prato com o nível de detalhes que ele fez?'. Aí que mora o perigo", disse.

"Tínhamos 1h15 para fazer a prova, mas a quantidade de processos que havia ali no prato dele… Não era muito tempo. O meu grande desafio foi pular mais do que o normal para conseguir fazer o prato. O melhor prato possível, o mais próximo possível do que o chef Laurent apresentou para a gente", continuou.

"Foi como a chef Paola disse: 'A diferença ficou na peneira fina, nos mínimos detalhes.'. Em especial, o ponto da proteína do Hugo que foi elogiado como o ponto correto, exato. E o meu peixe ficou um pouco aquém. O chef Fogaça falou que, talvez, mais 30 segundos tivesse resolvido", explicou.

"Talvez eu tenha sido muito racional nos tempos que o chef Laurent falou. Como ele deixou o peixe dele 10 minutos, eu quis fazer igual e confiar. Quando eu apertei, achei que estava no ponto, mas ainda não estava. Faltou muito pouco. Então, foi uma eliminação justa. O peixe era o elemento principal do prato e o dele estava melhor", disse.

Durante a sua eliminação, Thiago foi às lágrimas junto com os jurados Henrique Fogaça, Paola Carosella e Erick Jacquin. "Foi uma saída bem emocionante. Acho que todo mundo estava com os nervos à flor da pele, porque foi um grande embate. Eu e o Hugo saímos de uma prova em que a gente trabalhou juntos para se enfrentar depois", disse.

"A emoção dos chefs mostram que nós também conseguimos atingir o que eles esperavam da gente – seja em relação a quem fica ou seja em relação a mim. As palavras dos jurados para mim foram sensacionais. Só me deram forças para continuar a realizar meu sonho", afirmou.

Ganhador de uma semana de curso na escola do chef Laurent Suaudeau, Thiago saiu do talent show orgulhoso. "Mesmo sendo o quarto colocado, eu ganhei um grande prêmio. Não imaginava, não esperava isso em hipótese alguma. Será a minha primeira qualificação profissional na área gastronomia e eu vejo isso apenas como a primeira porta a ser aberta", contou.

"Daqui para frente, o que eu quero é me preparar para consolidar uma carreira bonita na gastronomia, de renome. Uma carreira que as pessoas vão poder ter certeza de que, o que eu passei aqui no MasterChef Brasil, não foi em vão", concluiu.

Ao final, o policial militar revelou para quem está torcendo para levantar o troféu de campeão. "A minha torcida fica para aquela pessoa que me deu várias dicas no mezanino, que eu vejo que também é uma pessoa que está crescendo demais na competição e tem mostrado isso: a Maria Antonia", finalizou.

Veja vídeo de despedida de Thiago:

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo