Kareem Waris, o nigeriano de apenas 11 anos que encanta com desenhos hiper-realistas feitos a lápis e caneta

Por Ansa

Com apenas 11 anos de idade, o jovem Kareem Waris Olamilekan se tornou ícone das artes visuais pelos seus desenhos hiper-realistas na Nigéria. A fama lhe rendeu o título de "Leonardo da Vinci", e alusão ao gênio italiano do renascimento.

O menino, cujo apelido é Waspa, foi elogiado pelo presidente francês, Emmanuel Macron, que visitou Lagos no começo do mês.

Considerado o artista plástico profissional mais jovem da Nigéria, Waspa começou a desenhar aos 6 anos e está aprimorando suas habilidades na Ayowole Academy of Art, escola criada pelo artista nigeriano Adeniyi Adewole. O garoto, que trabalha em um pequeno estúdio em um bairro pobre de Lagos, usa somente lápis e caneta esferográfica em seus retratos.

Em entrevista à BBC, Waspa afirmou que quer se ver "entre os grandes artistas do mundo". Seu retrato preferido foi um que fez sobre a sua realidade, chamado "Daily Bread" (Pão Diário). "Porque é sobre suor e lágrimas. Minha família e eu trabalhamos muito antes de comer, antes de colocar algo na boca", contou ele.

I am Waspa The bitty artist.

A post shared by kareem waris (@waspa_art) on

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo