Masterchef: Pensei que iria embora, afirma Maria Antonia

Por Band.com.br

O desafio da carne de jacaré foi, sem dúvida, uma das provas mais surpreendentes e difíceis da história do MasterChef Brasil. Os cozinheiros amadores tiveram de mostrar para os jurados Henrique Fogaça, Paola Carosella e Erick Jacquin que têm muito jogo de cintura, além de equilíbrio emocional, para continuar na competição.

"Eu não estava preparada para isso. Quando eu vi aquele bicho embaixo da cloche, tive a sensação de que ele iria me comer. Fiquei bem preocupada", afirmou a sommelier Maria Antonia Russi em entrevista ao Portal da Band que ainda foi punida por ter sido considerada a pior na prova anterior.

"Perder o rabo do jacaré não foi nada. Achei que o Jacquin iria cortar o meu dedinho", brincou. "Na verdade, ali eu pensei que eu iria embora. Porque eu comecei a olhar a carne, ver aonde tinha carne e o rabo era uma das melhores partes. Mas eu percebi que tinha um filezinho ali que eu poderia brincar com alguma coisa", disse.

"Primeiro, tinha pensando em utilizar as coxas, mas vi que não era uma boa ideia. Então, parti para o plano B, que era fazer uma sopinha de jacaré. Eu fiz um tipo de curry, que achei ia dar mais sabor à carne, porque ela não é muito saborosa", contou.

Segundo Maria Antonia, sua experiência com carne de jacaré antes da prova desta semana era nenhuma. "Eu nunca tinha comido, nunca tinha ouvido falar e com certeza não seria minha primeira opção para comer em um restaurante", garantiu.

"Foi um clima muito tenso na cozinha, então foi bem importante acertar e ir bem nessa prova. Ser chamada de 'bruxinha' foi a melhor coisa do mundo. Dá uma confiança. Eu me senti muito bem, principalmente nessa prova que foi muito difícil. E chegar no top 4 assim é a realização de um sonho. Está sendo uma jornada muito interessante", concluiu.

Veja o vídeo:

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo