Após pedir boicote para Júlio Cocielo, Bruno Gagliasso tem tuítes homofóbicos e machistas 'desenterrados'

Por Metro Jornal

O ator Bruno Gagliasso está sendo alvo de investigação do povo do Twitter após pedir boicote ao youtuber Júlio Cocielo, autor de um comentário machista sobre o jogador francês Kylian Mbappé no último fim de semana.

Bruno Gagliasso Reprodução

Os fãs de Cocielo, autor do Canal Canalha, começaram a 'desenterrar' tuítes antigos nos quais Gagliasso se posiciona de maneira homofóbica e machista, entre outras críticas.

"Papai noel é boiola porque vive com o saco na mão, anda com um monte de viado e sempre aparece na noite do dia 24", escreveu em um tuíte no Natal de 2009, quando tinha 27 anos.

A internet não perdoou:

Nesta quinta-feira (5), Gagliasso falou sobre os tuítes polêmicos:

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo