Em tempos de Copa na Rússia, mostra em SP joga luz em design soviético

Por Metro Jornal

Cerca de 300 projetos desenvolvidos na escola soviética de artes Vkhutemas foram recriados para a exposição “O Futuro em Construção”, em cartaz no Sesc Pompeia (r. Clélia, 93, tel.: 3871-7700; de ter. a sex., das 10h às 21h30; sáb. e dom., das 10h às 18h; grátis), que exalta o design desse período, responsável por lançar para o mundo nomes imprescindíveis da arte russa.

Tratam-se de réplicas de obras criadas por 75 designers e arquitetos na escola, que funcionou entre 1920 e 1930 e foi fechada por Stálin.

Leia mais:
Cineasta sueco Ingmar Bergman é homenageado com mostra em São Paulo
Gracyanne Barbosa come mais de 30 ovos por dia, revela Belo

A curadoria de Celso Lima e Neide Jallageas destaca, por exemplo, peças de porcelana criadas por Kazimir Maliévich (1879-1935) e o macacão unissex elaborado por Alexander Ródtchenko (1891-1956).

Três colunas do espaço expositivo foram recobertas por cartazes em estilo lambe-lambe com pôsteres de filmes como “Outubro”, de Seguei Eisenstein, e “Terra” de Aleksandr Dovjenko, bem como capas de livro e de revistas.

A exposição destaca ainda reproduções de maquetes de Lidia Komárova (1902-2002), uma das 30 mulheres formadas na escola em uma iniciativa pioneira de abrir espaço para a criatividade feminina.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo