Cineasta sueco Ingmar Bergman é homenageado com mostra em São Paulo

Por Metro Jornal

Considerado um dos cineastas mais importantes do século 20, o sueco Ingmar Bergman (1918-2007) faria 100 anos em 2018. Para lembrar a data, o CineSesc (r. Augusta, 2.075, Cerqueira César) escalou dez de suas mais importantes produções para compor uma retrospectiva que abre nesta quarta-feira (26) e segue até 3/7.

Serão exibidos clássicos absolutos do cinema existencialista de Bergman, em cópias restauradas em digital. São títulos como “Monika e o Desejo” (1953), que abre a mostra nesta quarta, às 20h30, com a história de um jovem casal que enfrenta as agruras da vida real pós-lua de mel.

Leia mais:
Gracyanne Barbosa come mais de 30 ovos por dia, revela Belo
Kate Middleton decide romper uma tradição real no batizado de príncipe Louis

A seleção inclui ainda “O Sétimo Selo” (1957; dom., às 17h); “Morangos Silvestres” (1957; sex., às 19h) e “Persona” (1966; sáb., às 21h). Os ingressos custam R$ 12.

A mostra se complementa com um curso do crítico Sergio Alpendre sobre a obra de Bergman. As aulas acontecem nos dias 3, 5 e 8 de julho, das 19h às 22h, ao custo de R$ 40.

A programação completa da mostra pode ser vista no site sescsp.org.br.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo